Câncer de pele e seus tipos

Publicado em 26 de junho de 2008, quinta-feira.

A pele é o maior órgão do corpo humano, e é dividida em duas camadas: uma externa, a epiderme, e outra interna, a derme. A pele abriga o corpo do calor, da luz e das infecções. A pele também é a responsável por regular a temperatura do corpo, utilizando a reserva de água, vitamina D e gordura.

Embora o câncer de pele seja o tipo de câncer mais freqüente, correspondendo a cerca de 25% de todos os tumores malignos registrados no Brasil, quando detectado precocemente este tipo de câncer apresenta altos percentuais de cura.

Câncer de pele é mais comum em indivíduos com mais de 40 anos sendo relativamente raro em crianças e negros, com exceção daqueles que apresentam doenças cutâneas prévias. Indivíduos de pele clara, sensível à ação dos raios solares, ou com doenças cutâneas prévias são as principais vitimas do câncer de pele. Os negros normalmente têm câncer de pele nas regiões palmares e plantares.

Os tipos mais comuns de câncer de pele são o carcinoma basocelular (CBC) e o carcinoma de células escamosas que podem ser desfigurantes localmente, mas geralmente não se espalham para outras partes do corpo. O tipo mais perigoso é o melanoma malígno, que pode ser fatal se não tratado breve, mas é uma pequena porção apenas de todos os cânceres de pele.

Outros tipos de câncer de pele são:

- Dermatofibrosarcoma protuberans;
- Carcinoma de células de Merkel;
- Sarcoma de Kaposi.

Copyright 2017 © Bem de Saúde - Todos os direitos reservados

As informações e sugestões contidas nesse site têm caráter meramente informativo, e não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, dentistas, nutricionistas, psicólogos e profissionais de educação física.