A importância do alongamento

16 de agosto de 2009

Parece que aquela paradinha antes de começar o exercício é uma bobagem, uma coisa sem propósito, mas o alongamento é uma parte fundamental do treino e não pode ser negligenciado. Esses exercícios que tem um ritmo mais lento preparam sua mente para o exercício que vai iniciar e promovem o estiramento das fibras musculares, fazendo com que elas aumentem o seu comprimento, levando assim a uma maior flexibilidade e proporcionando uma amplitude de movimento da articulação a ser exercitada, protegendo-a de possíveis lesões.

Assim, essa rotina só traz benefícios para a mente, fazendo-a se acalmar e a respiração ficar tranqüila, e para o corpo deixa-o mais ágil e com maior elasticidade. Qualquer pessoa pode fazer sem restrições de idade ou mesmo quem apresenta algum problema como LER ou hérnia de disco também pode fazer alongamentos, porém com mais cuidados. Não exige grande capacidade física ou habilidades atléticas. Os alongamentos podem ser feitos sempre que se sentir vontade, seja em uma viagem ou em casa, uma vez que relaxam o corpo e a mente. Uma dica para os estudantes é que um corpo relaxado e com a respiração em dia ajudam no raciocínio e a reduzir o estresse ou a ansiedade.


Os benefícios

- Reduz a tensão muscular;
- Reduz o estresse;
- Melhoram o raciocínio;
- Melhora a memória;
- Relaxam o corpo;
- Proporcionam maior consciência corporal;
- Deixam os movimentos mais soltos e leves;
- Previnem lesões;
- Preparam o corpo para as atividades físicas;
- Ativam a circulação.

Como fazê-lo?

Respire profundamente, isso aumenta o relaxamento muscular e oxigena com qualidade o sangue. Respire no seu ritmo e devagar, respeite os seus limites. Forçar o alongamento é como um exercício além de seu limite, levando a lesões. A flexibilidade vem aos poucos, não é uma competição, é bem estar o objetivo.

Faça com regularidade, crie uma rotina. É incrível a quantidade de exercícios que podem ser feitos até mesmo em frente a TV. Com certeza ao ar livre é o mais prazeroso, crie grupos de caminhada com seus vizinhos, alonguem e curtam o prazer de se exercitar juntos.

E se eu não alongar?

A prática de esportes sem alongamento encurta as fibras e é a maior propensão para o desenvolvimento de problemas em ossos e músculos. Provavelmente, a queixa mais freqüente encontrada tanto entre sedentários, como entre atletas, é a perda da flexibilidade provocando dores lombares, por encurtamento da musculatura das costas e posterior das coxas, associado a uma musculatura abdominal fraca.

Quando alongar?

Os seus benefícios se estendem para antes e depois da atividade física, ou sempre que estiver passando por uma situação de estresse ou que exija de você uma resposta rápida e de raciocínio. Prepare seu corpo para as batalhas do dia.

Redação Bem de Saúde

[ imprimir ] [ recomende este artigo ]